HUMANIDADE REAL

por Equipe CEVS em . Publicado em Mensagens - Emmanuel.

Jesus Pilatos

Através desta mensagem, extraída do livro Fonte Viva – FEB, Emmanuel nos brinda mais uma vez com a figura excelsa do Cristo a exemplificar-nos as mais altas normas de conduta, normas estas que nos conduzirão à disciplina e ao desenvolvimento de nosso ser. De uma beleza melancólica e de um ensinamento duro, nestas linhas que retratam o flagelo de Jesus, o exemplo sacrificial estampou em exemplos de dor a conduta adequada para uma humanidade real.

Centro Espírita Vinhas do Senhor

Pouso Alegre/MG, 25 de novembro de 2014.

HUMANIDADE REAL

 

“…Eis o Homem!” – Pilatos. JOÃO, 19:5

 

Apresentando o Cristo à multidão, Pilatos não designava um triunfador terrestre…

Nem banquete, nem púrpura.

Nem aplauso, nem flores.

Jesus achava-se diante da morte.

Terminava uma semana de terríveis flagelações.

Traído, não se rebelara.

Preso, exercera a paciência.

Humilhado, não se entregou a revides.

Esquecido, não se confiou à revolta.

Escarnecido, desculpara.

Açoitado, olvidou a ofensa.

Injustiçado, não se defendeu.

Sentenciado ao martírio, soube perdoar.

Crucificado, voltaria’ à convivência dos mesmos discípulos e beneficiários que o haviam abandonado, para soerguer-lhes a esperança.

Mas, exibindo-o, diante do povo, Pilatos não afirma: – Eis o condenado, eis a vítima!

Diz simplesmente: – “Eis o Homem!”

Aparentemente vencido, o Mestre surgia em plena grandeza espiritual, revelando o mais alto padrão de dignidade humana.

Rememorando, pois, semelhante passagem, recordemos que somente nas linhas morais do Cristo é que atingiremos a Humanidade

Real.

Linkou seu site.

Equipe CEVS

Equipe do Centro Espírita Vinhas do Senhor

Deixe um comentário

Contatos

  • Rua Tomáz Antonio Gonzaga, 305
    Bairro São José - Pouso Alegre - MG
  • (35) 99220 - 8388