Médium é Chato Mesmo

por Fabiola em . Publicado em Mocidade.

Espiritismo-estivadordeviantArt-2Solange Magalhães Araújo

O que muitas pessoas ignoram ou prejulgam acerca do dia a dia do médium ostensivo, responsável e atuante, é que este não é médium somente na casa espírita.

A missão se firma a cada instante, a cada exposição a diferentes sintonias, diferentes companhias espirituais.

O médium consciente tem de vivenciar o evangelho. Sim, sim. Não, não.

Sendo assim, se existe um trabalho de assistência espiritual, este não se limita a um ambiente físico. É o tempo todo. Seja acordado, dormindo, pensando nisso ou não.

O que muitos chamam de chatice do indivíduo, de puritanismo, são comportamentos necessários a tarefa designada e, diga-se de passagem, acertada antes da existência terrena atual.

Em termos mais claros: se o médium é médium passista, atua com dependentes do álcool, por exemplo, não pode ficar exposto o tempo todo a sintonias dessa natureza. É preciso manter o corpo físico e mental o menos “poluído” possível para que, ao chegar o momento do magnetismo (passe), possa ser manipulado o máximo de energias puras a fim de dissolver miasmas daqueles que vivem neste ambiente de viciação.

E é no trabalho mediúnico posterior que esta autoridade moral é colocada à prova a todo instante. Se quer ajudar na renovação, como pode se manter na mesma energia doente, se identificando?

Sendo assim, o médium que se reconhece nesta tarefa, é disciplinado e neste vocábulo, não reside lamentação. Ao contrário, reside agradecimento, visto que quanto maior a responsabilidade, certamente maior é a “dívida” moral ou espiritual contraída anteriormente.

Não exponha frases de pouco conhecimento quando um espírita, médium, diz que não bebe, fuma, etc. Este apenas expõe um fato e atua assim, quando não por preferência pessoal mesmo, é também por saber perfeitamente quais os mecanismos fluídicos envolvidos nestas práticas viciosas.

E quando este evita ambientes ou companhias que fazem uso constante destas substâncias, é porque sabe da necessidade de se manter pronto à tarefa, sem despender tempo e maior dedicação da espiritualidade para que este seja “limpo” a todo momento. Os assistidos esperam sequiosos por estas assistências e, se temos conhecimento de como isso tudo funciona, é obrigação não atrapalhar, pelo menos.

Se você acha que algum conhecido seu ficou chato, muito “Caxias”, muito puritano, considere a hipótese de uma pergunta simples direcionada a ele: – Por que? –  ao invés de ser adepto dos rótulos sociais.

Você tem o direito de achar besteira isso tudo, mas tem o dever de se informar para não disseminar desinformações desanimando o próximo que busca o reajuste. Isso se este próximo não for você mesmo.

Linkou seu site.

Comentários (2)

  • Marcio michel dos santos

    |

    Quero descobri mas sobre espiristiamo me falaram q eu sou médium mas nao sei da com isso, mas sinto uma sombra sobre mim quando estou dormindo e as vezes sinto assoprarem em meu ouvido mas nao sei o que e queria saber o que e isso as vezes me sinto pertubado com raiva pois muitas coisas q quero nao consigo mas quando clamo a Deus ele acalma minha alma vou na igreja mas Esse espírito continuo a senti ele as vezes ele vem quando tem alguma coisa errada contra mim parece q ele quer me avisa alguma coisa q esta querendo da errada

    Responder

    • Valdenir

      |

      Bom dia! Aconselho você a procurar o atendimento fraterno de nossa casa. Os horários de atendimento são das 14:00 as 16:00 h. Você encontrará uma pessoa qualificada a lhe orientar particularmente sobre tudo isso. Caso não possa comparecer neste horário, você poderá procurar orientação junto aos dirigentes de reuniões que acontecem toda noite, exceto aos sábados, às 20:00 h. Chegue uns 40 minutos mais cedo para dar tempo de conversar.

      Abraços!

      Responder

Deixe um comentário

Contatos

  • Rua Tomáz Antonio Gonzaga, 305
    Bairro São José - Pouso Alegre - MG
  • (35) 99220 - 8388