O Cuidado com as Redes Sociais

por Fabiola em . Publicado em Mocidade.

atelier-reseau-internet-mondeSolange

Um dos temas largamente estudados na Doutrina Espírita, no elemento Ciência de seu tripé, é a questão da Psicosfera, aquilo popularmente chamado de “o clima”, “a energia” de determinado lugar ou pessoa, conforme a especificidade do assunto.

Em relação às redes sociais, esse tema quase não é abordado. Porém, toda e qualquer comunicação merece atenção, no que se refere ao receber/assimilar/compartilhar posts ou conteúdos.

Convido a qualquer pessoa que integre as redes sociais a analisar seu perfil por uma média de uma hora. As atualizações ou notificações neste período.
Verifique no conteúdo o que, de uma maneira geral, é exposto ou compartilhado. É interessante esta análise.

Nestes últimos dias, passamos por acontecimentos traumáticos, seja o desastre “natural” de Mariana, sejam os atentados de Paris… Pelo menos aqui para mim, as notícias e compartilhamentos giram sobre estes temas, além da corrupção no país.

O “cuidado” a que me referi no título desta postagem, é acerca do que você tem assimilado e, ainda, compartilhado.

Apenas preste atenção: por que a psicosfera de raiva (lembram do caso da menina Larissa, em Extrema, MG?), tristeza e revolta têm predominado?

Fique atento: o que você gostaria de oferecer na maior parte do tempo, aos seus amigos? Tem oferecido mais calma, ou mais revolta? Mais harmonia, ou mais inquietação? Isso fica fácil de perceber quando verificar o que você anda sentindo ao permanecer uns dez minutos na rede social. Porque o que você sente é o que tem oferecido ao clicar ali, no “compartilhar”.

Cuidado com o que você cultiva no campo de emoções, no campo dos pensamentos. Sabemos que nossas patologias e psicopatologias giram em torno disso (não como causa, mas como elemento importante na cura ou piora de nossos estados mentais ou físicos).


Para que compartilhar ou assistir vídeos de execução do estado islâmico? De violências? Doenças? Faça gritar na sua mente o “Para Quê?”. Faz bem a mim ou aos outros?


Us
e bem sua peneira, seu filtro de sensações, pensamentos e emoções. Claro que notícias ruins ainda fazem parte de nosso contexto, mas tenha bom senso.
Você é o que exala, você é o que transmite.

Linkou seu site.

Deixe um comentário

Contatos

  • Rua Tomáz Antonio Gonzaga, 305
    Bairro São José - Pouso Alegre - MG
  • (35) 99220 - 8388