• “Bem-aventurados os Pacificadores, porque serão chamados filhos de Deus. Bem-aventurados os mansos, porque herdarão a terra. "

  • "Não julgueis para não serdes julgados. Pois com o julgamento com que julgais sereis julgados, e com a medida com que medis sereis medidos."

  • "Ponha-te de acordo, sem demora, com teu adversário, enquanto estas com ele a caminho, para que não suceda que te entregue ao juiz, e o juiz te entregue ao seu ministro e seja posto no cárcere. Em verdade te digo, que dali não sairás antes de teres pago o último centavo."

  • "Quem diz que a vida só trás desilusão, é porque nunca fez nada a não ser se iludir"

  • "Tudo é amor. Até o ódio, o qual julgas ser a antítese do amor, nada mais é senão o próprio amor que adoeceu gravemente"

  • "O homem é assim o árbitro constante de sua própria sorte. Ele pode aliviar o seu suplício ou prolongá-lo indefinidamente. Sua felicidade ou sua desgraça dependem da sua vontade de fazer o bem."

  • "Honrar o pai e a mãe não é somente respeitá-los, mas também assisti-los nas suas necessidades; proporcionar-lhes o repouso na velhice; cercá-los de solicitude, como eles fizeram por nós na infância."

Parte I – Consequências do Aborto

por Equipe CEVS em . Publicado em Estudando Espiritismo.

aborto

Toda ação do ser humano fica registrada em sua consciência. Mesmo que não se atenha a este fato e às conseqüências de suas atitudes, elas ficam gravadas e influenciarão no mecanismo da vida.

À medida que vai se adquirindo maior conhecimento, maior desenvolvimento intelectual e moral, aquela informação pretérita registrada começa a exercer, mesmo que inconscientemente, uma pressão sobre o indivíduo gerando distúrbios e requisitando correção. É o mecanismo perfeito do Pai embutido em todo ser que o norteará à perfeição relativa.

Contatos

  • Rua Tomáz Antonio Gonzaga, 305
    Bairro São José - Pouso Alegre - MG
  • (35) 3422 - 0768